Escolhi meu vinho. Qual taça usar?

Gostar de vinho é fácil. Entender de taças, bojos e hastes também pode ser. Por isso vou te ajudar. Escolhi meu vinho, qual taça usar?

Minha primeira dica é – desencane e curta o vinho. Na vida há momentos de formalidade e de celebração. Com o vinho isso não é diferente.

Mas, certamente, a escolha da taça não se dá só pela aparência ou etiqueta. A taça correta faz toda diferença, porque tem o poder de acentuar os aromas e os sabores. Essa é a razão para dedicar atenção especial.

Formato e tamanho do bojo (a parte maior da taça) são os pontos mais importantes. Da mesma forma, o cumprimento da haste (o cabinho) também influencia, porque deixa o calor da mão mais próximo ou distante do vinho.

Inicialmente, vinhos brancos e rosés, que são servidos gelados, ficam melhores em taças menores que as de vinho tinto. Elas acentuam a acidez e a fruta do vinho (vamos falar disso outra hora). O ideal é servir 1/2 da taça.

Para o vinho tinto, a taça deve ter o bojo e a boca (parte de cima da taça) mais largos para proporcionar oxigenação e favorecer o aroma e sabor. É na taça que o vinho evolui e a mágica acontece. O indicado é servir 1/3 da taça.

Contudo, vinho tinto não é tudo igual. Então, primeiro: vinhos tintos de corpo médio a encorpado pedem a taça Bordeaux (fala bordô), que é aquela com bojo mais largo e boca mais estreita. Evita a dispersão dos aromas e favorece a fruta do vinho.

Segundo: vinhos tintos leves ou até mesmo os brancos encorpados ficam melhores na taça Borgonha, que tem tanto o bojo como a boca mais largos e deixam o vinho com mais contato com o ar consequentemente.

No entanto, se não quiser ou não puder comprar várias taças, a dica é usar a taça Bordeaux de 450 ml – coringa. Até mesmo para espumantes (não esqueci deles, mas para essas borbulhas vai ter texto especial).

Eu sempre gostei muito de taças e descobri a La Vie Cristal, loja de Curitiba especializada. Será que amei!?

Agora você já sabe a resposta para a pergunta: escolhi meu vinho, qual taça usar? Então, aproveita para brindar muito o doce sabor da vida!

Por Ana Carla Wingert de Moraes

9 comentários em “Escolhi meu vinho. Qual taça usar?

  1. Juliana Vingra Responder

    Estava precisando destas dicas mesmo. Serão muito úteis. Ansiosa pelas dicas das taças das borbulhas que adoroooo !!!!

    • Ana Carla Autor do postResponder

      Sim, além da funcionalidade, tomar vinho na taça certa tem todo um charme a mais, não é! Eu sou apaixonada por elas! Também estou ansiosa para escrever sobre as taças de espumantes. 😉

    • Ana Carla Autor do postResponder

      Obrigada, Camila!! Fico muito feliz que gostou. Que prazer ter você aqui acompanhando meu conteúdo do blog. Seja sempre bem-vinda!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *